Confira as entrevistas

Fiocruz Brasília 18 de maio de 2022


 

Com o objetivo de divulgar e popularizar a produção científica da Fiocruz Brasília, a Assessoria de Comunicação (Ascom) lançou, em novembro de 2020, a série de entrevistas Fala aê, inicialmente com os egressos do Mestrado Profissional em Políticas Públicas em Saúde da Escola de Governo Fiocruz – Brasília. Em 2021, a série se estendeu também aos pesquisadores da casa, com a perspectiva de que continue se ampliando e envolvendo toda a comunidade Fiocruz Brasília.

 

A série de divulgação científica “Fala aê” reúne entrevistas com os autores de diversas pesquisas e apresenta ao público os resultados de trabalhos científicos sobre variados temas em saúde pública. Soma-se a essa iniciativa uma série de podcast em que perguntas sobre Covid-19, feitas por moradores de diferentes regiões administrativas do DF, são respondidas por especialistas da Fiocruz Brasília.

 

Todas as entrevistas do “Fala aê” já publicadas você encontra nos links abaixo. Toda semana tem novidade por aqui. Volte sempre para conhecer o nosso trabalho.

 

Fala aê, pesquisador

Fala aê, especial mulheres na ciência

Fala aê, pesquisador: “A vacinação tem que ser parte de um grande plano para enfrentar a doença”

Fala aê, pesquisador: “Ela insiste no cuidado, quando todo mundo já desistiu”

Fala aê, pesquisador: vacinas contra Covid-19 apresentam diferenças, mas são igualmente importantes

Fala aê, pesquisador: “É fundamental construir com a comunidade um diálogo e alternativas de cuidado”
Fala aê, pesquisador: a importância das vacinas contra Covid-19
Fala aê, pesquisador: “Vencer esta pandemia exige integração de forças e solidariedade”

 

Fala aê, pesquisador – Especial Plataforma Zika

Estudar o ciclo da ciência para melhorar o investimento em pesquisa

“A inteligência cooperativa precisa ser acionada”

“Os dados têm impactos reais nas nossas vidas”

Lá no fim do túnel, uma base de dados que permita responder às perguntas de pesquisa

“A Zika requer toda a atenção dos gestores”

 

Fala aê, mestre

Fala aê, mestre: publicidade infantil de alimentos

Fala aê, mestre: Implantação da Atenção Primaria à Saúde (APS) na cidade de Sapezal, Mato Grosso

Fala aê, mestre: pandemia, hábitos alimentares e serviço público

Fala aê, mestre: Comunidades Quilombolas, direito à terra e saúde

Fala aê, mestre: uma análise para fortalecer a Atenção Primária à Saúde no DF

Fala aê, mestre: o vírus da influenza no Brasil

Fala aê, mestre: a tecnologia e o acesso à saúde

Fala aê, mestre: a invisibilidade da saúde da mulher em situação de rua e o acolhimento nas eCR

Fala aê, mestre: sexismo, racismo e o adoecimento docente

Fala aê, mestre: a população negra no Brasil e o acesso igualitário no SUS

Fala aê, mestre: uma análise sobre saneamento, saúde e a ausência de soluções sanitárias em áreas rurais

Fala aê, mestre: o avanço tecnológico e a alta demanda por tecnologias no SUS

Fala aê, mestre: parada cardiorrespiratória e a qualidade do atendimento prestado à população

Fala aê, mestre: promoção da saúde nas escolas e a participação juvenil

Fala aê, mestre: vigilância da esporotricose humana no Brasil

Fala aê, mestre: “Não é necessário ser para respeitar, amar e lutar por esta causa”

Fala aê, mestre: violência contra pessoas com deficiência

Fala aê, mestre: o novo conceito de farmácia como estabelecimento de saúde

Fala aê, mestre: estratégias de prevenção ao uso de drogas

Fala aê, mestre: mulheres negras e near miss materno

Fala aê, mestre: qualidade de vida de pacientes oncológicos em cuidados paliativos

 

Fala aê, especialista

Fala aê, especialista: SUS contra fake news

Fala aê, especialista: mulheres do turismo rural

Fala aê, especialista: mídia e promoção da saúde mental

Fala aê, especialista: municípios, comunicação em saúde e pandemia

Fala aê, especialista: memes e vacinas

Fala aê, especialista: Práticas Integrativas em Saúde no ambiente escolar

Fala aê, especialista: Aspectos epidemiológicos da malária

Fala , especialista: o acesso à saúde da pessoa com deficiência

 

Fala aê – 45 anos da Fiocruz Brasília 

“Aprendi aqui o exercício da coletividade, essência da democracia e do SUS”

“Ser docente na Fiocruz Brasília é a realização de um grande sonho”

“Ninguém caminha sozinho”

“O mundo não é e não será o mesmo depois da pandemia”

Compromisso com o povo do campo, floresta e águas

“Conseguimos, pelo trabalho, construir sentido para atravessar a crise”

“Os jovens precisam falar do SUS com mais propriedade”

“Precisamos estar sempre vigilantes em defesa do SUS”

Diálogo e criatividade pavimentam os caminhos da comunicação na Fiocruz Brasília

 

Fala aê, Fiocruz Brasília

Fala aê, Fiocruz Brasília: O desenvolvimento da vacina

Fala aê, Fiocruz Brasília: Ambiente de trabalho

Fala aê, Fiocruz Brasília: Imunidade de rebanho

Fala aê, Fiocruz Brasília: Crianças e Covid-19

Fala aê, Fiocruz Brasília: Covid-19 e o calor

Fala aê, Fiocruz Brasília: Assintomáticos e Covid-19

Fala aê, Fiocruz Brasília: Covid-19 e compras 

Fala aê, Fiocruz Brasília: A importância da máscara 

Fala aê, Fiocruz Brasília: Vacina e crianças 

Fala aê, Fiocruz Brasília: O fim da pandemia