Plataforma de Saúde do Trabalhador completa 10 anos

Por: Fiocruz Brasília
03/04/2019

Nathállia Gameiro

A Plataforma Renast online é uma ferramenta de comunicação e dados de abrangência nacional que auxiliam a integração em rede e a disseminação de informação e conhecimento na Rede Nacional de Saúde Integral à Saúde do Trabalhador, a principal estratégia do Ministério da Saúde para a inserção das ações de saúde do trabalhador em todos os âmbitos do Sistema Único de Saúde (SUS).

O coordenador da Plataforma Renast online e pesquisador da Fiocruz Brasília, Augusto Campos, explica que o projeto nasceu há 10 anos, na tradição dos observatórios de saúde pública. Desde então vem desenvolvendo práticas e ferramentas para a dinamização de redes sócio técnicas a partir da comunicação, divulgação científica e acesso à informação. “No ano passado, ultrapassamos a marca de 1 milhão de visitantes. Também lançamos um novo site, com melhor usabilidade e indexação de conteúdo, além uma nova ferramenta de acesso a dados. Nesse ano, vamos nos dedicar especialmente ao fortalecimento de nossas parcerias intra e interinstitucionais em estados e municípios”, afirma Campos.

Confira a plataforma aqui

O projeto é coordenado pelo pesquisador do Programa de Promoção da Saúde, Ambiente e Trabalho (PSAT), e conta ainda com parcerias com a Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), o Centro de Estudo sobre o Trabalho e Ecologia Humana (CESTEH) e a colaboração de técnicos do Ministério da Saúde.

A Coordenadora Geral de Saúde do Trabalhador do Ministério da Saúde (CGST), Karla Baeta, ressalta a importância deste canal de comunicação que permite que públicos diversos, profissionais do SUS, pesquisadores, trabalhadores e população em geral, tenham acesso a informações sobre temas de interesse à saúde do trabalhador. Reforça que os 10 anos de existência demonstram que o site já se consolidou como espaço de fortalecimento das pautas em saúde do trabalhador e de exercício democrático da cidadania.

De fácil navegação, o site traz notícias, cartilhas, boletins epidemiológico, glossário, manuais, protocolos, cadernos e recursos educacionais com dados que auxiliam a análise de situação de saúde e controle social. Todos os conteúdos e dados estão organizados por classificações de territórios, ocupações, atividades econômicas e doenças. Na plataforma, é possível encontrar ainda verbetes mantidos em parceria com pesquisadores e técnicos da área, resumindo temas e conceitos relevantes para a saúde do trabalhador.

O sistema de informação inclui atualmente dados de 3 fontes: Sistema Nacional de Agravos de Notificação (SINAN), Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) e Anuário Estatístico de Acidentes de Trabalho (AEAT); que trazem informações sobre agravos relacionados ao trabalho, afastamentos, aposentadorias, acidentes de trabalho, trajeto e óbitos,  preparadas para apoiar ações de Vigilância em Saúde do Trabalhador.


A plataforma atualmente busca parcerias com o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST) que utilizem a ferramenta no seu dia a dia e com pesquisadores e técnicos para a participação e produção de conteúdo.